Dança no Novo Normal

Festival Municipal de Dança de Cabedelo leva magia e encantamento e apresenta a “Dança no Novo Normal”

Edição é a primeira a ser realizada após a institucionalização do Programa Preparatório Escola de Dança de Cabedelo

27/11/2021 10h34
Por: Nailson Júnior
Fonte: SECOM CABEDELO

 

Dois dias de muita magia, beleza e encantamento. Cabedelo deu início, nesta sexta-feira (26), a mais uma edição do seu já tradicional Festival Municipal de Dança. Até este sábado (27), com apresentações às 17h e às 20h, o evento vai levar ao palco, montado no Centro Cultural Mestre Benedito, o trabalho de um ano inteiro da Escola de Dança Municipal.

 

Com o tema “A dança no novo normal”, o evento está acontecendo em formato híbrido, reunindo cerca de 200 pessoas (todas vacinadas contra a Covid-19), com transmissão ao vivo pelo canal do Youtube da Prefeitura Municipal de Cabedelo e pelo Instagram da Secretaria de Cultura a partir das 17h.

 

"O grande desafio desse ano para o festival é a retomada das atividades! A última vez que o festival presencial foi realizado foi em 2019. Ano passado foi híbrido, mas numa proporção muito pequena, e, nesta edição, estamos retomando o formato mas com um público presencial ampliado e visando alcançar uma visibilidade ainda maior. Aproximadamente 1.200 pessoas, dentre bailarinos, professores, equipe técnica, de cobertura e da Secult, estão envolvidas neste projeto. E um dos grandes diferenciais é que é o primeiro festival onde a gente conseguiu desenvolver o balé de repertório, repetindo trabalhos clássicos como o Quebra Nozes e nos desafiando, introduzindo a participação do outros coletivos que têm atuação popular dentro da escola", destacou o secretário de Cultura, Igobergh Bernardo.

 

Está edição do Festival, a 33ª,  é a primeira a ser realizada após a institucionalização do Programa Preparatório Escola de Dança de Cabedelo, reforçando a importância social e artística do evento para o desenvolvimento e valorização da cultura local; e trazendo a dança como uma área de conhecimento, que propõe estimular e valorizar a identidade local.

 

"Nesta edição também retomamos a aquisição de materiais com um investimento no valor de 20 mil reais em figurinos e sapatilhas para escola, pois desde 2016 não se fazia isso. Essa retomada de fato marca o ano de institucionalização do programa. 

É o momento de celebrar o reconhecimento da arte da dança no município de Cabedelo".

 

O Festival é dividido em dois temas. O grupo Infantil conta com 96 alunos de 05 a 12 anos e apresenta o tema Vida. Utilizando a base do Balé Clássico, o espetáculo possui coreografias consideradas como “livres”, todas utilizando como norte a natureza e os seres vivos. 

 

Já o grupo Juvenil conta com aproximadamente 74 alunos entre 13 e 17 anos, e apresenta o tema “Suíte do ballet o quebra nozes”, que representa o II ato de um dos Ballets Clássicos de repertório mais conhecido e difundido, desde o século 19, composto por Tchaikovsky. O espetáculo conta a história de uma garota (Clara), que no dia de Natal ganha um boneco-Quebra Noze que transforma-se em humano e acabam se apaixonando. 

 

De acordo com a diretora artística da Escola, Rita Spinelli, a preparação dos alunos foi alcançada com muito esforço e dedicação de todos os profissionais da Secult e, principalmente, dos alunos. 

 

"Foi um ano muito difícil e desafiador, que estamos superando com novas propostas. E agora temos a honra de ter uma escola institucionalizada. Temos coletivos com ex bailarinos, que são os do Balé Popular e Cia de Danças Clássicas, além do coletivo Balé Jovem de Cabedelo, formado pelos alunos da escola já próximos a atingirem a idade de saída do programa preparatório de dança. O que me deixa emocionada e orgulhosa é ver que aos poucos, com muitos choros e sorrisos, estamos colocando nossa cidade cada dia mais em destaque no universo da dança nacional. Ver o nosso trabalho sendo reconhecido nos dá mais estímulo para produzir e acreditar cada vez mais. Sempre tivemos apoio da Prefeitura, mas agora, além do apoio é um projeto consistente e oficial", ressaltou Spinelli.

 

Para os bailarinos, o Festival é a oportunidade de mostrar a todos a arte da dança e toda a importância que ela tem em suas vidas. 

 

"Dançar nos dá alívio, calmaria e é nesse ato é possível expressar nossos sentimentos" afirmou a bailarina da turma intermediário,

Ketillyn Amorim, que participa da escola há 8 anos e apresentou-se na valsa das flores no espetáculo juvenil.

 

"Foi tudo muito lindo. Eu sonhava muito em participar desse festival e a pandemia nos atrapalhou. Mas agora Papai do Céu abençoou pra que desse tudo certo. Eu amo o balé", comentou Luany Beatriz, da turma Básico II do espetáculo infantil e que entrou na escola há pouco mais de 2 anos.

 

Programa Preparatório Escola de Dança- Instituído no dia 08 de outubro de 2021, através da Lei 2.147/2021, o programa surge com o objetivo de sistematizar e ampliar o ensino da arte da dança no município, observando-a como uma conjunção de saberes e fazeres e reconhecendo a sua atuação nos aspectos históricos, sociais, políticos e contemporâneos. Tendo como foco uma proposta que compreende o artista da dança como parte e produtor da arte e da cultura local.

 

A Secult busca, a partir da instituição do Programa, ampliar, compreender, valorizar e desenvolver as ações continuadas do ensino regular da dança, com base no Ballet Clássico, que são desenvolvidas há mais de 34 anos na Cidade. Buscando sempre o diálogo e salva guarda das diversas linguagens que compõe a pluralidade cultural da dança em Cabedelo. 

 

Diante disso, o programa também propõe a manutenção e ampliação dos alunos/bailarinos em Amostras, Festivais e Intercâmbio, bem como a manutenção do Festival Municipal de Dança de Cabedelo, que é realizado há 31 anos e durante sua trajetória tem buscado sempre inovar na sua concepção artística, trazendo na cena temas que dialoguem com o Clássico, Popular e o Contemporâneo. Com o crescimento do público e o aumento considerável na quantidade de alunos, o Festival foi se adequando durante suas edições, tendo sido realizado no Teatro Santa Catarina, no Ginásio de Esportes, na Praça Getúlio Vargas e desde 2018 vem sendo realizado no Centro Cultural Mestre Benedito.

 

Equipe técnica - O Festival Municipal de Dança é realizado pela Secult e pelo Programa Preparatório Escola Municipal de Dança, com direção geral do secretário Igobergh Bernardo; direção artística de Rita Spinelli; Coreografia Denilsa Martins, Valesca Rique e Caroline Farias; Coordenação técnica, Montagem do Ballet de Repertório e adaptação de coreografias Michela Lima; Coordenação de coreografia e coordenação pedagógica, Saniele Cipriano; e secretaria da Escola de Dança, Laís Camila.

 
 
 
 
 
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 17h26
29°
Poucas nuvens Máxima: 30° - Mínima: 24°
33°

Sensação

19 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
Nailson Junior
Vagas de Emprego na Paraíba
jooble
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
ANUNCIE AQUI
Igreja Nova Vida