Em Brasília

Em Brasília, vice-governadora cobra obras hídricas para a Paraíba e medidas para zerar fila do Bolsa Família

No total, há no Brasil 2.271.265 famílias aguardando sua inclusão no Bolsa Família

20/10/2021 16h00
Por: Nailson Júnior
Fonte: Secom PB

A vice-governadora da Paraíba, Lígia Feliciano, se reuniu nessa terça-feira (19), em Brasília, com o secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira. Ela cobrou medidas para zerar a fila de espera do Bolsa Família, a construção do Terceiro Eixo da Transposição do Rio São Francisco (Ramal Piancó) e mais barragens no Estado, além de cisternas e poços artesianos com a implantação de dessalinizadores, a fim de garantir o abastecimento de água aos paraibanos. 

No total, há no Brasil 2.271.265 famílias aguardando sua inclusão no Bolsa Família. A maior parte desse total se localiza no Nordeste, com 844.372 famílias (37%). Para Lígia Feliciano, é fundamental que as famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza sejam incluídas no programa de transferência direta de renda, assegurando o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde.

O secretário executivo Daniel Ferreira disse que o governo federal vai lançar um novo programa de transferência de renda e que a inclusão de novas famílias vai ser avaliada.   “A fome não espera, cobrei que essa fila seja zerada o quanto antes. São milhões de pessoas que não têm nada para comer no café da manhã, almoço ou janta. Já houve a promessa que em breve essa fila será zerada. Estou acompanhando e trabalhando para que essas famílias possam receber o que é seu por direito o quanto antes”, frisou Lígia Feliciano, que na audiência esteve acompanhada do deputado federal Damião Feliciano. 

Obras hídricas - Ainda na reunião, a vice-governadora reivindicou a execução do Terceiro Eixo da Transposição, que permitirá a distribuição da água do São Francisco por toda a Paraíba até o Rio Grande do Norte, a partir do município de Conceição, no Vale do Piancó, garantindo segurança hídrica. O secretário Daniel Ferreira informou que entraves burocráticos estão impedindo o início das obras. 

Lígia Feliciano  ainda cobrou a construção de barragens, adutoras , cisternas e perfuração de poços artesianos com dessalinizadores para abastecer a população com água potável e de qualidade. “Eu cobrei políticas públicas para melhorar o fornecimento de água no nosso Estado. Na maioria dos municípios, a água é uma grande necessidade. Precisamos de mais barragens, adutoras, cisternas e poços artesianos com dessalinizadores para garantir a subsistência e a saúde dos paraibanos”, enfatizou a vice-governadora. Daniel Ferreira afirmou que nos próximos meses serão perfurados 100 poços com dessalinizadores na Paraíba. 

Atualmente mais de 190 municípios do Estado estão em situação de emergência. A escassez de água, por conta das irregularidades pluviométricas, persiste, afetando a maioria da população

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 19h34
27°
Poucas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 24°
29°

Sensação

13 km/h

Vento

79%

Umidade

Fonte: Climatempo
Nailson Junior
Vagas de Emprego na Paraíba
jooble
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Igreja Nova Vida
ANUNCIE AQUI