‘Celso Furtado’

Governo lança Programa ‘Celso Furtado’ de Inovação Educacional e Desenvolvimento Regional

As inscrições começam na terça-feira (27) pelo site: paraiba.pb.gov.br/paraibaeduca, com vagas para especialistas, pesquisadores e equipes escolares.

23/07/2021 16h55
Por: Nailson Júnior
Fonte: Secom PB

O Governo do Estado, por meio Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia da Paraíba (SEECT-PB), lança nesta segunda-feira (26), às 10h, no canal  da Secretaria de Educação no YouTube, o Programa ‘Celso Furtado’ de Inovação Educacional e Desenvolvimento Regional, e divulga dois editais do programa, que incentivam a criação de projetos de desenvolvimento regional sustentável para problemáticas locais. As inscrições começam na terça-feira (27) pelo site: paraiba.pb.gov.br/paraibaeduca, com vagas para especialistas, pesquisadores e equipes escolares.

O lançamento ocorre no dia de celebração dos 101 anos do economista paraibano Celso Furtado e terá a participação do secretário de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, Claudio Furtado; do secretário Executivo de Gestão Pedagógica, Gabriel Gomes; do representante da Cátedra Unesco, Dr. Timothy Ireland; da jornalista Rosa Aguiar e da coordenadora do Programa Celso Furtado,  Luiza Iolanda Cortez.

O programa nasceu como Desafio Celso Furtado, em 2020. Foi instituído, enquanto programa,  com a missão de consolidar a atualidade do pensamento de Celso Furtado em consonância com a Agenda 2030, e os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável - ODS, proposta pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o intuito incentivar a criação de projetos capazes de dialogar com os elementos históricos e econômicos que perpassam a realidade brasileira, tão bem trabalhada nas obras de Furtado.

Desse modo, equipes formadas por estudantes e professores da Educação Básica da Rede Estadual irão elaborar projetos que se propõem a refletir sobre problemáticas locais, oferecendo soluções para o contexto analisado. Diante da suspensão das atividades escolares presenciais em virtude das ações preventivas à propagação do Covid-19, a SEECT desenvolve o Programa Celso Furtado de Inovação Educacional e Desenvolvimento Regional de forma integrada às atividades no contexto do Regime Especial de Ensino.
 
Edital - Serão publicados dois editais no Diário Oficial e no site Paraíba Educa: um destinado para as equipes escolares e outro para os especialistas. Podem participar do Programa professores e estudantes da Rede Estadual de Educação da Paraíba matriculados nos anos finais do Ensino Fundamental (8º e 9º anos), nas três séries do Ensino Médio e na Educação de Jovens e Adultos (ciclos IV, V e VI).  As inscrições começam a partir da terça-feira (27) pelo site: paraiba.pb.gov.br/paraibaeduca.

Equipes escolares - Cada equipe deverá ser composta por, no mínimo, três estudantes e, no máximo, até seis. No caso de equipes com até três estudantes, será aceito um professor mentor e, para equipes com quatro a seis estudantes, até dois professores mentores. A inscrição das Equipes Participantes deverá ser realizada no endereço eletrônico paraiba.pb.gov.br/paraibaeduca pelo(a) professor(a) responsável pela equipe, usando seu e-mail institucional, até o dia 3 de agosto.

Especialistas - O edital disponibiliza 20 vagas para especialistas e pesquisadores. A inscrição deverá ser realizada no endereço eletrônico paraiba.pb.gov.br/paraibaeduca até o dia 30 de julho. A seleção será feita seguindo os seguintes critérios: Carta de intenção de participação e Análise do Currículo Lattes.

Etapas - O Desafio do Programa Celso Furtado é uma maratona desenvolvida em duas etapas: a primeira é a etapa escolar, na qual as equipes são orientadas a construírem seus projetos vinculados às Trilhas de Conhecimento definidas pelo Programa; a segunda etapa é a estadual, na qual as equipes que tiveram os projetos mais bem avaliados, com base em critérios previamente estabelecidos em edital, deverão submeter o Relatório e apresentar sua proposta em vídeo (Pitch). Essa etapa definirá as equipes vencedoras.

As equipes inscritas no Desafio do Programa Celso Furtado contarão com uma equipe de especialistas que estarão disponíveis para prestar consultoria e auxiliar durante a etapa escolar, principalmente, no processo de elaboração do plano de implementação.

As escolas participantes da Etapa Estadual receberão certificados de mérito e participação, a serem considerados como ação de inovação escolar, para o Prêmio Escola de Valor.

Os vencedores terão o prazo de um ano para executarem seus projetos e contarão com bolsa de incentivo à pesquisa financiadas pela Fundação de Amparo à Pesquisa da Paraíba (FAPESQ/PB). Para os estudantes, a bolsa será no valor de R$ 400,00, e  para os professores, a bolsa será no valor de R$ 600,00.

Na edição de 2020, seis equipes foram premiadas. Além do incentivo financeiro, o Programa oferece apoio pedagógico para o desenvolvimento dos projetos vencedores.

Trilhas do Conhecimento - são eixos didáticos que agrupam os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável com os temas: Bem-Estar Socioambiental, Desenvolvimento Regional Sustentável e Instituições Eficazes, que agrupam os ODS e direcionam as equipes a observarem as problemáticas locais, e, assim, podem propor soluções relevantes conectando o pensamento de Celso Furtado à Agenda 2030.

A equipe pedagógica do Programa preparou uma programação de lives que serão realizadas pelo canal da Secretaria no YouTube, como o Fórum Educacional Celso Furtado, um momento formativo destinado a estudantes  e professores da Rede Estadual de Educação  que se inscreveram no programa para apresentar as trilhas de conhecimento.

Programação das lives:

28/7 - Apresentação das Diretrizes do Programa e do Manual Pedagógico, às 18h
Objetivo: Apresentar os aspectos didáticos do Programa, com orientações sobre o manual pedagógico de apoio e sobre os editais destinados às equipes escolares e aos pesquisadores, que ajudarão na elaboração dos projetos.

9/8 - Trilha 1: Bem-estar Socioambiental, às 18h
 
Objetivo: Abordar os elementos chaves para compreender as discussões sobre a temática socioambiental e a possível correlação entre a contribuição do pensamento do economista Celso Furtado com o tema ambiental.
 
11/8 - Trilha 2: Desenvolvimento Regional Sustentável, às 18h
Objetivo: Dialogar sobre  os caminhos para se pensar o Desenvolvimento Regional a partir de uma compreensão do pensamento de Celso Furtado e da Agenda 2030 da ONU.
 
13/8 - Trilha 3: Instituições Eficazes
 
Objetivo: Dialogar sobre os papéis das instituições, pensando em projetos para torná-las mais eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.
 
Sobre Celso Furtado
 
Nascido na cidade de Pombal, na Paraíba, em 26 de julho de 1920, Celso Monteiro Furtado tornou-se um dos principais teóricos do pensamento socioeconômico do Brasil e da América Latina.  Formado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, e Doutor em Economia pela Universidade de Paris (Sorbonne), dedicou sua vida acadêmica e profissional a desenvolver estudos comprometidos com a transformação social de países subdesenvolvidos.
 
Um intelectual e homem público de ação, pautou sua trajetória com extremo comprometimento social e político, tem em sua trajetória a idealização da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), assumiu o cargo de ministro em duas ocasiões, no governo João Goulart (1961-1964), como ministro do Planejamento, e no governo de José Sarney (1985-1988), como ministro da Cultura. Foi também um dos diretores da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL), em 1949 e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDE), em 1953.
 
Lecionou nas universidades Sorbonne (Paris), Washington (EUA), Columbia (EUA) e Cambridge (Inglaterra). Escreveu livros importantes, como Formação Econômica do Brasil (1959), Desenvolvimento e Subdesenvolvimento (1961), O Mito do Desenvolvimento Econômico (1974), Criatividade e Dependência (1978), e A Fantasia Desfeita (1985), dentre outras obras que procuram enfatizar os fatores sociais e políticos presentes na mecânica do subdesenvolvimento.
 
Furtado morreu aos 84 anos, no ano de 2004, deixando para o mundo uma extensa obra sobre a história do pensamento econômico moderno, do Brasil e América Latina.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 02h25
22°
Poucas nuvens Máxima: 30° - Mínima: 22°
22°

Sensação

7 km/h

Vento

94%

Umidade

Fonte: Climatempo
Nailson Junior
Vagas de Emprego na Paraíba
jooble
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Igreja Nova Vida
ANUNCIE AQUI