COVID-19

Conheça os avanços médicos que surgiram durante as crises

Períodos de crise motivam colaborações que resultam em avanços na área da saúde e tecnologia. A Pandemia da Covid-19 também trouxe transformações importantes.

Nailson Junior

Nailson JuniorCrônicas PBNews

13/05/2021 15h26
Por: Nailson Júnior
Fonte: SEOMarketing

Apesar de desafios, os períodos de crise sanitária ou mesmo social foram determinantes nos avanços médicos que hoje são realizados diariamente.

Durante a pandemia da Peste Negra, na Idade Média, houve os primeiros sinais do que seria uma quarentena e um isolamento em massa para conter a disseminação da praga. 

Além disso, houve transformações relacionadas à higiene e melhoras no valor nutricional da alimentação.

As guerras mundiais também foram importantes laboratórios para os avanços médicos. 

Especialmente na 2ª Guerra Mundial, onde surgiram práticas como o aprimoramento do procedimento de transfusão de sangue, processo de triagem para agilizar os atendimentos e a cirurgia de emergência.

Apesar desses avanços, é importante destacar que na 2ª Guerra Mundial muitas inovações custaram a ética e a vida, de forma que alguns métodos foram rechaçados e condenados como crimes posteriormente. 

Como surgem os avanços da medicina em tempos de crise?

Os períodos de guerra e de crises, como a da Peste Negra e a gripe espanhola, incentivaram mudanças rápidas na Medicina para responder às demandas urgentes existentes.

Existem diversos motivos que explicam o porquê desses períodos críticos serem também aqueles em que o conhecimento da humanidade avança de forma mais rápida.

  • A aliança entre países para resolver problemas em comum é um dos motivos que permitem o rápido avanço tecnológico e médico, pois especialistas de diferentes nações se esforçam em conjunto para buscar respostas à crise que se apresenta;

  • foco de organizações mundiais que contribuem no gerenciamento das crises. Ainda que a atuação de organizações como a ONU e a OMS seja pós-segunda guerra mundial, elas contribuem no controle epidemiológico e na gestão e distribuição de recursos;

  • cooperação entre indústrias e governos com parcerias que garantem uma infraestrutura e orçamento melhores, o que faz muita diferença na pesquisa científica e nos avanços médicos conquistados no período.

Um exemplo que une esses três elementos é o desenvolvimento de vacinas contra a Covid-19. Apesar do ceticismo de muitos quanto ao rápido desenvolvimento das vacinas, nunca houve uma junção de esforços tão grande em prol de um objetivo comum.

Além disso, as vacinas para Covid-19 têm em comum que incorporam conhecimentos de décadas de estudo em vacinas, como a da gripe.

A OMS e ONU também tiveram participação com incentivos econômicos e ao diálogo entre nações e parcerias entre empresas e países para que as vacinas fossem desenvolvidas em menos tempo.

Portanto, com a união dos esforços foi possível desenvolver diferentes vacinas, confiáveis e eficazes, em tempo recorde. E esse não foi o único avanço médico alcançado com a pandemia da Covid-19.

Avanços da Medicina durante a pandemia da Covid-19

A pandemia da Covid-19 foi uma situação de extremo ineditismo, paralisando países ao redor do mundo, bilhões de pessoas em isolamento social e levando a milhões de perdas em pouco mais de um ano.

Esse cenário gera problemas em comum entre os países e empresas, como a perda de vidas, a necessidade de isolamento social, redução da economia, demanda por materiais hospitalares e busca por uma cura ou vacina.

A busca conjunta pela resolução dessas dificuldades resultou em diferentes inovações em saúde, como:

  • testes rápidos: permitem identificar a contaminação com o coronavírus em menos tempo, viabilizando uma resposta mais rápida dos pacientes e agentes de saúde para reduzir os riscos de contágio;

  • ventilador de ar de baixo custo: um recurso indispensável para salvar vidas durante a pandemia da Covid-19, empresas e universidades trabalharam para buscar alternativas aos modelos de ventilador tradicional que são caros, encontrando opções como modelos criados por impressoras 3D;

  • prontuário eletrônico: permite acompanhar por meios eletrônicos os procedimentos e avanço dos pacientes, facilitando a gestão das informações e dos recursos médicos;

  • prescrição médica digital: meio que permite uma receita digital, com assinatura digital que proporciona segurança e confiabilidade, facilita o atendimento médico e também a compra de medicamentos com prescrição;

  • teleatendimento: atendimentos realizados com intermédio de plataformas digitais para reduzir os deslocamentos dos pacientes, reduzindo as chances de disseminação da doença e garantindo suporte médico de qualidade;

  • telemedicina: facilitou a comunicação entre profissionais da saúde e treinamentos ao mesmo tempo que reduz os deslocamentos, o que é essencial ao combate da pandemia;

  • software de voz para laudo: a tecnologia já existia, mas o aumento da demanda por exames radiológicos exigiu soluções para tornar a emissão mais produtiva e ágil, garantindo rapidez e qualidade dos processos de radiologia.

Portanto, os avanços médicos relacionados à pandemia da Covid-19 visam tanto o atendimento e suporte médico mais acessível e prático, como também mudanças que melhoram o desenvolvimento das atividades dos profissionais da saúde.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 16h15
30°
Nuvens esparsas Máxima: 30° - Mínima: 24°
34°

Sensação

20 km/h

Vento

66%

Umidade

Fonte: Climatempo
Nailson Junior
Vagas de Emprego na Paraíba
jooble
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
ANUNCIE AQUI
Igreja Nova Vida