Unimed
Visões Periféricas

Começa nesta qaurta o 14º Festival Visões Periféricas gratuito e on-line para todo o Brasi

Festival audiovisual chega à sua 14ª edição de forma gratuita e on-line para todo o Brasil

23/03/2021 16h37Atualizado há 2 semanas
Por: Nailson Júnior
Fonte: RoMa in Press - Roberta Mattoso Comunicação & Imprensa

Festival Visões Periféricas é uma plataforma de difusão de filmes de curta, média e longa-metragem e desenvolvimento de projetos audiovisuais produzidos nas múltiplas periferias brasileiras. A 14ª edição do festival irá acontecer entre os dias 24 e 31 de março de 2021 de forma gratuita e pela primeira vez de forma on-line para todo o Brasil. O festival esse ano exibirá, ao todo, 50 filmes de longas-metragens, médias e de curtas-metragens exibidos em 6 sessões. A idealização do festival é de Marcio Blanco e a curadoria é de Marcio Blanco, Kamilla Medeiros e Janaína Damaceno. A iniciativa tem patrocínio da Lei Aldir Blanc, Governo Federal e Governo do Estado do Rio de Janeiro e Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa.

 

Na sessão de abertura do festival, no dia 24, às 19h30, será exibido o longa-metragem inédito Anastácias, de Thatiane Almeida (SP, 78 min, 2020), com tradução em libras. A programação deste ano exibirá  4 Mostras CompetitivasPanorâmica, com 5 filmes de filmes de longa-metragem e de média-metragem com duração de, pelo menos, 40 minutos; Fronteiras Imaginárias com programação de 20 filmes de curta-metragem produzidos por realizadores independentes e coletivos de audiovisual; Cinema da Gema com 10 filmes de curta-metragem produzidos no Rio de Janeiro e Visorama com 8 curtas de até 15 minutos produzidos em cursos de formação audiovisual no Ensino Básico e em projetos do terceiro setor. Todas as sessões da mostra competitiva serão exibidas no site do festival: www.visoesperifericas.org.br.

Os filmes avaliados pelo júri técnico serão premiados com prestação de serviços na área de produção e pós-produção e bolsas de estudos em cursos de audiovisual. Além disso, os filmes das mostras Fronteiras Imaginárias, Cinema da Gema e Panorâmica serão avaliados por um representante de licenciamento do Canal Brasil. O filme com mais votação on-line por parte do público em cada mostra competitiva vai receber um troféu do Festival.

 

 O festival apresenta, também, uma Mostra não-competitiva que exibirá os filmes: A Profundidade da Areia, de Hugo Reis (ES, 17 min, 2019); AtordoadoEu Permaneço Atento, de Lucas H Rossi dos Santos e Henrique Amud (RJ,15 min, 2020); Bonde, de Asaph Luccas (SP, 18min, 2020); Morte Branca do Feiticeiro Negro, de Rodrigo Ribeiro (SC, 10 min, 2020); e Perifericu, de Nay Mendi, Rosa Caldeira e Stheffany Fern (SP, 20 min, 2019). São filmes premiados e que foram selecionados por representarem uma forte tendência no cinema periférico de experimentação estética e discussão de temas como raça, gênero e diversidade. Todos os filmes presentes na Mostra não-competitiva contarão com legenda descritiva e audiodescrição. Os realizadores da mostra também participam de um bate-papo no dia 27 de março, às 17h, e que será exibido no site.

 

Além das mostras, o festival este ano apresenta três mesas de debate que vão tratar de temas como os caminhos do audiovisual periférico pós-pandemia e a inserção de jovens da periferia no mercado audiovisual. O debates  acontecem nos dias 25, 29 e 30 de março, sempre às 19h30, com tradução em libras e que serão exibidos no Canal do Youtube e na Página do Facebook do festival. No dia 25/3, quinta-feira, às 19h30, o ator e ex-BBB, Babu Santana, participa de uma conversa sobre o festival e a transmissão será exibida no Instagram do Visões Periféricas. O 14º Festival Visões Periféricas oferecerá também duas oficinas de produção audiovisual destinados ao público jovem e que serão ministradas de forma on-line através da plataforma Zoom.

 

O objetivo geral do festival é exibir um painel diversificado de expressões culturais brasileiras através da produção audiovisual. A curadoria privilegia filmes que expressem esteticamente uma visão crítica e inovadora sobre as periferias. São filmes que trazem uma relação íntima entre temas, personagens e vivência dos realizadores nos territórios onde os filmes são produzidos.

 

No encerramento do festival, no dia 31 de março, às 19h, será exibido o longa-metragem inéditoTrem do Soul, de Clementino Junior (RJ, 82 min, 2021).

 

“Em 14 anos de realização, o Festival Visões Periféricas se consolidou como projeto único e inovador de difusão audiovisual no país, formação de rede e inserção do jovem realizador de periferia no circuito nacional de festivais. O Visões tem o mérito de ser o único festival no Brasil a assumir a missão de revelar uma geração de jovens realizadores com origem nas periferias brasileiras. O conceito de periferia no festival é abrangente, incluindo filmes de realizadores de comunidades quilombolas, aldeias indígenas, favelas, negros e mulheres. Além disso, estamos sempre discutindo a periferia a partir dos filmes, selecionando aqueles que trazem um olhar inovador e esteticamente potente. Nos últimos anos vários realizadores iniciaram voos mais ambiciosos em formatos de maior duração”, afirma o idealizador do festival e um dos curadores, Marcio Blanco.

 

 

MOSTRA COMPETITIVA:

 

MOSTRA FRONTEIRAS IMAGINÁRIAS

 

“As Canções de amor de uma bicha velha”

Direção: André Sandino. RJ. 22min. 2020. DOC. Livre.

 

“Brooklin”
Direção: Coletivo Cineleblon. MG. 22 min. 2019. FIC. 14 anos.

 

“Exú Matou um Pássaro”
Direção: Vinicius Sassine. DF. 24 min. 2020. DOC. 10 anos.

 

“Cidade São Mateus”
Direção: Gabriel César. SP. 26 min. 2020. DOC. 12 anos.

 

“Em Reforma”
Direção: Diana Coelho. RN. 20 min. 2019. FIC. Livre.

 

“Goma”
Direção: Igor Vasco. SP. 20 min. 2019. FIC. 12 anos.

 

“Imagens De Um Sonho”
Direção: Leandro Olímpio. SP. 20 min. 2019. DOC. Livre.

 

“Nova Iorque, mais uma cidade”
Direção: André Lopes e Joana Brandão. SP. 18 min. 2019. DOC. Livre.

 

“Num Piscar de Olhos “
Direção: Elder Gomes Barbosa. RJ. 23 min. 2020. DOC. Livre.

 

“PRINCESA DO MEU LUGAR”
Direção: Pablo Monteiro. MA. 15 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Quando te Avisto”
Direção: Neli Mombelli e Denise Copetti. RS. 24 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Reduto”
Direção: Michel Santos. BA. 13 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Tempo de Pipa”
Direção: Breno Silva e Marvin Pereira. BA. 4 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Pedra Preciosa”
Direção: Bruno Lobo. CE. 10 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Traçados”
Direção: Rudyeri Ribeiro. PA. 23 min.  2020. FIC. 12 anos.

 

“Construção”
Direção: Leonardo da Rosa. RS. 16 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Relatos tecnopobres”
Direção: João Batista Silva. GO. 13 min. 2019. FIC. 12 anos.

 

“O Fantasma de Glauber Rocha”
Direção: L. H. Girarde. BA. 15 min. 2020. FIC. 14 anos.

 

“Álbum de Casamento”
Direção: Otávio Conceição. BA. 7 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Manifesto Preto”
Direção: Lygia Pereira. SP. 5 min. 2019. EXP. Livre.

 

MOSTRA DA GEMA

 

“Ave-paraíso”

Direção: Vitor Kruter. RJ. 11 min. 2020. EXP. Livre.

 

“De um lado do Atlântico”

Direção: Milena Manfredini.RJ. 7 min. 2020. EXP. Livre.

 

“Egum”

Direção: Yuri Costa. RJ. 23 min. 2020. FIC. 14 anos.

 

“Endless Love”

Direção: Duda Gambogi. RJ. 20 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Joãosinho da Goméa – O Rei do Candomblé”

Direção: Rodrigo Dutra e Janaína Oliveira Re.Fem. RJ. 14 min. 2019. DOC. Livre.

 

“Jorge”

Direção: Jéferson Vasconcelos . RJ. 19 min. 2020. FIC. 14 anos.

 

“Neguinho”

Direção: Marçal Vianna. RJ. 20 min. 2020. FIC. Livre.

 

“Prata”

Direção: Lucas Melo. RJ. 21 min. 2019. EXP. 12 anos.

 

“Segue o Baile”

Direção: Iury Santos. RJ. 21 min. 2019. FIC. 10 anos.

 

“Ser Feliz No Vão”

Direção: Lucas H. Rossi dos Santos. RJ. 12 min. 2020. DOC. 12 anos.

 

MOSTRA VISORAMA

“A Incrível Aventura das Sonhadoras Crianças contra Lixeira Furada e Capitão Sujeira”
Direção: Beatriz Ohana. RJ. 15 min. 2019. FIC. Livre.

 

“Cidade de Quem Corre”

Direção: Fernando Martins e William Damasceno. SP. 11 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Mulheres de Fé”

Direção: Bruna Santos e Dalila Ramos. SP. 17 min. 2019. DOC. Livre.

 

“Inspirações”

Direção: Ariany de Souza, Annie Gabrielle, Fabiola Souza e Drielle Souza. RJ. 19 min. 2019. DOC. Livre.

 

“Camurupim”

Direção: Allan Matheus. CE. 13 min. 2019. EXP. Livre.

 

“O Repto”

Direção: Ana Carolina e Lays Kislley. SE. 8 min. 2020. FIC. Livre.

 

“O que me cabe”

Direção: Felipa Anastácia e Ricardo Freitas. SP. 9 min. 2020. FIC. 12 anos.

 

“Lampejo”

Direção: David Llinin e Pedro Henrique Cordeiro. SP. 9 min. 2020. FIC. 12 anos.

 

MOSTRA PANORÂMICA

 

“Acerca da Pele”

Direção: Roberta Fernandes e Rodrigo Cerqueira. ES. 52 min. 2020. DOC. 12 anos.

 

“Raízes”

Direção: Wellington Amorim e Simone Nascimento. SP. 72 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Diga meu nome”

Direção: Juliana Chagas Gouveia. RJ. 78 min. 2020. DOC. Livre.

 

“Cavalo”

Direção: Rafhael Barbosa e Werner Salles. AL. 85 min. 2020. DOC. Livre.

 

<p class="MsoNormal" style="margin: 0cm 0cm 0.0001pt; color: #222222; line-height: normal; background-image: initial; background-position: initial; background-size: initial; background-repeat: initial; background-origin: initial; background-clip: initial; font-size: 11pt; font-family: Ca

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB
Atualizado às 08h03
24°
Chuva fraca Máxima: 29° - Mínima: 25°
24°

Sensação

9 km/h

Vento

100%

Umidade

Fonte: Climatempo
Unimed
Municípios
Unimed
Últimas notícias
Mais lidas
Unimed