PBNEWS


VIOLÊNCIA URBANA

Polícia prende grupo suspeito de crimes e apreende três armas

A Polícia Militar prendeu um grupo suspeito de homicídio e tráfico de drogas, que estava com armas de fogo, munições, drogas e balança de precisão no município de Cruz do Espírito Santo. A ação policial foi realizada pelo 7º Batalhão, na manhã e tarde desse último domingo (25).

26/03/2018 20:01

A Polícia Militar prendeu um grupo suspeito de homicídio e tráfico de drogas, que estava com armas de fogo, munições, drogas e balança de precisão no município de Cruz do Espírito Santo. A ação policial foi realizada pelo 7º Batalhão, na manhã e tarde desse último domingo (25).

Segundo o comandante do 7º Batalhão, tenente-coronel Pablo Cunha, as prisões aconteceram depois que a PM recebeu denúncias que apontaram a localização dos suspeitos em uma casa, no conjunto João Úrsulo, em Cruz do Espírito Santo. “Todo o grupo é suspeito de diversos crimes cometidos na região, como tráfico de drogas, e estavam na flagrância de um homicídio ocorrido no dia anterior, e de uma tentativa de homicídio ocorrida naquele mesmo dia. Inclusive um dos suspeitos, que já tinha mandado de prisão, foi preso com uma arma de fogo”, explicou o coronel.

Os presos têm 37, 35, 25 e 21 anos. Dois adolescentes de 15 anos também foram apreendidos na ação. Durante o cerco policial, que resultou na prisão desses quatros suspeitos e apreensões dos adolescentes, um outro suspeito, de 26 anos, conseguiu fugir mas foi capturado no mesmo bairro. Ele também estaria envolvido no homicídio do dia anterior e contra ele havia um mandado de prisão em aberto. Ao todo, durante a ação, foram apreendidas duas espingardas calibre 12, um revólver calibre 38, uma porção de maconha, além de seis cartuchos de calibre 12, munições de calibre 38 e uma balança de precisão.

Os suspeitos foram indiciados por tráfico de entorpecentes, tentativa de homicídio, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo, e foram conduzidos para a 6ª Delegacia Distrital.

2 anexos

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS