PBNEWS


Assembléia

CPI da Telefonia vai reunir operadoras para prestar contas

Segundo o presidente da CPI, deputado João Gonçalves, uma sessão será realizada com as empresas para apresentar à população paraibana as melhorias no serviço, “Vamos pedir uma sessão para apresentar os primeiros investimentos após a CPI ter parado a investigação e entrar na fase de investimentos, Nós vamos ter a sessão para mostrar aquilo de positivo”, garantiu João.

08/02/2017 16:13

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Telefonia da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) inicia na próxima semana a prestação de contas dos investimentos realizados pelas operadoras de telefonia e internet banda larga no Estado.

Segundo o presidente da CPI, deputado João Gonçalves, uma sessão será realizada com as empresas para apresentar à população paraibana as melhorias no serviço. “Vamos pedir uma sessão para apresentar os primeiros investimentos após a CPI ter parado a investigação e entrar na fase de investimentos. Nós vamos ter a sessão para mostrar aquilo de positivo”, garantiu João.

O relator da CPI e vice-presidente da Assembleia, deputado Bosco Carneiro, explicou que os termos de compromisso assinados com as operadoras Tim, Vivo, Oi e Claro preveem investimentos de mais de R$ 200 milhões na Paraíba, revertidos na garantia de internet de banda larga em mais de 3 mil escolas públicas da Zona Rural e da Zona Urbana dos municípios paraibanos, além da melhoria e modernização do serviço.

“Essa segunda fase da CPI, que foi prorrogada por mais seis meses, tem o objetivo de fiscalizar se realmente esses 08.02.17 2a sessao ordinaria_bosco carneiro © roberto guedes (70)investimentos assumidos pelas operadoras foram realmente cumpridos. As operadoras virão à Assembleia para comprovar, através de documentos, fotografias e registros que esses investimentos foram feitos”, observou o relator da CPI.

Os resultados obtidos pela Comissão devem ser revertidos para a telefonia móvel de todo o Estado, onde o mau atendimento tem gerado prejuízo à população, segundo o deputado Bosco Carneiro. “Existem situações que causam prejuízos ao consumidor, além da má qualidade do serviço, mas efetivamente nós contribuímos para a melhoria porque em vários outros estados os investimentos foram feitos e aqui na Paraíba, apesar desse período de crise, estão sendo investidos mais de R$ 235 milhões”, disse o relator.

Ele revelou ainda que a operadora TIM deverá ser a primeira empresa a prestar conta dos investimentos já realizados no setor. Também serão feitas visitas para verificar se realmente essas melhorias já estão acontecendo na Paraíba.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS