PBNEWS


Gente & TV

Arquiteta dá dicas de como montar um SPA em casa

O desejo de ter em casa um local exclusivo para relaxar e aliviar as tensões do dia a dia está sendo cada vez mais procurado nos escritórios de arquitetura. Podendo ser desenvolvido em áreas externas e internas da casa, integrado ao quarto ou um espaço aconchegante, o SPA pode ser construído em residências e apartamentos, […]

31/10/2016 19:36

O desejo de ter em casa um local exclusivo para relaxar e aliviar as tensões do dia a dia está sendo cada vez mais procurado nos escritórios de arquitetura. Podendo ser desenvolvido em áreas externas e internas da casa, integrado ao quarto ou um espaço aconchegante, o SPA pode ser construído em residências e apartamentos, de todos os tamanhos – basta saber como projetar de forma confortável e prático.piscina

Segundo a arquiteta Thaís Figueiredo, a necessidade do cliente é o primeiro passo para a idealização do ambiente. “Primeiro ouvimos o nosso cliente para saber qual a sua necessidade. Caso deseje um ambiente mais reservado e intimista, indicamos que o SPA seja montado na área interna, integrado ao quarto ou banheiro, por exemplo. Se a ideia for um ambiente de interação e relaxamento com a família e amigos, propomos que seja montado no jardim, varanda ou cobertura”, explica a arquiteta. No entanto, o conceito de SPA é importante pensar no restante da arquitetura e da decoração da residência, analisar o tamanho do espaço, a circulação da casa, a infraestrutura, por exemplo. Outro cuidado importante é a escolha dos fornecedores dos materiais a serem utilizados neste projeto. “Isso é um ponto muito importante na durabilidade do SPA”, afirma.

Para o Jardim da Mansão da Casa Cor PB 2016, idealizado por Thaís Figueiredo e Patrícia Casadei, a aposta foi um SPA Jacuzzi de seis lugares com cascata, cromoterapia e som integrado. O projeto paisagístico foi idealizado em consonância com os itens do ambiente. “Ao entrar no Jardim, o visitante pôde vislumbrar uma área completa, aconchegante e luxuosa. Além do SPA, apostamos em um mármore branco de altíssimo padrão, deck de madeira proporcionando a sensação de aconchego e criando uma área de apoio, nicho decorativo e duchas esculturais ”, detalha a arquiteta.

Segundo ela, banheiras confinadas em locais pequenos não são mais utilizadas. “A tendência é abrir os espaços e integrar SPAs aos cômodos da casa ou apartamento para ter uma área aconchegante e espaçosa”, lembra Thaís.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS