PBNEWS


Cidades

Luciano Cartaxo (PV) discursa na abertura das sessões plenárias da Câmara

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), antecipou a comemoração de seus oito anos de gestão dedicados à Capital, ao discursar, na abertura das sessões legislativas da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), nesta manhã de terça-feira (11). Em seu pronunciamento, o chefe do Executivo frisou o compromisso de pensar a cidade “lá na […]

11/02/2020 18:04

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), antecipou a comemoração de seus oito
anos de gestão dedicados à Capital, ao discursar, na abertura das sessões legislativas da
Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), nesta manhã de terça-feira (11). Em seu
pronunciamento, o chefe do Executivo frisou o compromisso de pensar a cidade “lá na
frente”, preparando-a com investimentos que a tornem compatível à marca de um milhão
de habitantes. Ele ainda adiantou 1.159 vagas em concurso público e que, até o final do
ano, 50% da cidade estará iluminada com lâmpadas de LED.
“Agradeço ao presidente da CMJP, João Corujinha (DC), por apoiar as causas da cidade
e ser parceiro desta gestão. Reconheço o papel importante que a Câmara tem na
construção de políticas públicas sociais para o nosso povo. Em oito anos de trabalho e
dedicação a João Pessoa, implantamos um modelo de gestão de sucesso, através do
qual melhoramos nossos investimentos, controlando os gastos públicos e otimizando
nossa receita. Colhemos bons frutos em meio à crise e observamos uma melhora na
qualidade de vida das pessoas”, iniciou sua fala, Luciano Cartaxo.
Em destaque, foram elencadas ações municipais, a exemplo de 1.159 vagas de trabalho
que serão ofertadas em concurso público neste ano; o aumento linear de 5,5% para
servidores da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP); mais de R$ 4 milhões
investidos no audiovisual local; 58 novas praças; a iminente marca de 10 mil residências
entregues na política habitacional; investimentos na Falésia do Cabo Branco; incentivo ao
Turismo; e a primeira operação de crédito internacional da Prefeitura com o Banco
Interamericano de Desenvolvimento (BID), no programa João Pessoa Cidade Sustentável,
que objetiva desenvolver a cidade preparando-a para os próximos 30 anos.
Iluminação
Cartaxo ainda anunciou que, até abril, a Capital terá 10 bairros 100% iluminados com
lâmpadas de LED e, até o final do ano, 50% da iluminação pública da cidade será
substituída. São 237 ruas no Centro Histórico. Desse total, mais de 150 já foram
contempladas. “O Alto do Mateus é o primeiro bairro 100% iluminado com lâmpadas em
LED. Já alcançamos o Bairro das Indústrias e o Cidade Verde. Estamos realizando a
instalação em Mandacaru, no Alto do Céu e Costa e Silva. Após o Carnaval, mais 30
bairros começarão a receber a iluminação nova”, adiantou.
Ocupando o espaço público
Além disso, o prefeito citou que a requalificação das Avenidas Epitácio Pessoa e Beira
Rio vai reforçar a ideia de que “uma cidade onde a população ocupa seus espaços

públicos gera mais tranquilidade e segurança para todos”. Também haverá o lançamento
da primeira ecopraça da Capital e do programa Boa Praça, em que a população será
conscientizada a adotar esses locais, tornando possível uma rede de proteção e
preservação do meio público.
Educação, Saúde e Empreendedorismo
Na Educação, Luciano Cartaxo enfatizou os 1.300 educadores contratados em um único
concurso público e o aumento de 4 mil para 15 mil vagas em creches, sendo todas em
tempo integral. “Chegamos aos 65 mil alunos matriculados na educação municipal.
Inauguramos mais duas escolas bilíngues na cidade. Já havia uma no Alto do Mateus,
ampliamos com mais uma no José Américo e outra no Cristo. Vamos entregar no final de
março, o centro de educação integrado em Mangabeira, o que possibilitará oito escolas
municipais no bairro com o contraturno”, garantiu.
A Capital ainda registrou a marca de 33 Unidades de Saúde da Família (USFs), o salto de
uma para quatro Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), recebeu uma Central da
Vacinas e uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital do Valentina de Figueiredo.
O Banco Cidadão possibilitou a abertura de crédito para o pequeno empreendedor e as
ações do Extremotec incentivam a fixação de empresas de tecnologia da informação em
solo Pessoense.
Cidade Sustentável
Com relação aos recursos angariados com o Banco Interamericano de Desenvolvimento
(BID), João Pessoa receberá U$ 100 milhões de dólares para continuar investindo na
linha dos modelos de gestão de resultados, de governança e de sustentabilidade
ambiental. Em consequência disso, está prevista uma obra que alcançará oito
comunidades ao longo da Avenida Beira Rio, famílias que receberão 800 apartamentos e
serão alvo de ações de geração de emprego e renda. Outro detalhe será a urbanização
do Parque Linear do Rio Jaguaribe e a transformação do local onde funcionou o Lixão do
Roger em Parque Socioecológico do Roger Jardim Filipeia.
“Tenho a alegria de pensar esta cidade lá na frente e garantir que ela esteja em plena
forma para quem a assumir. É um ano eleitoral e de muito trabalho, vamos entregar as
chaves desta cidade com recursos garantidos para mais quatro anos. Nosso
compromisso é preparar João Pessoa para que ela seja uma cidade capaz de comportar
mais de um milhão de habitantes”, finalizou Cartaxo.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS