PBNEWS


Cidades

Belabs celebra um ano desenvolvendo mulheres que transformam a sociedade

Líderes de si mesmas, independentes e empoderadas. Assim são as mulheres contemporâneas que empreendem, realizam sonhos, buscam a independência financeira e estão conquistando cada vez mais espaço em todos os setores da vida – principalmente no mundo dos negócios.

19/06/2019 15:25

Líderes de si mesmas, independentes e empoderadas. Assim são as mulheres contemporâneas que empreendem, realizam sonhos, buscam a independência financeira e estão conquistando cada vez mais espaço em todos os setores da vida – principalmente no mundo dos negócios. Neste sentido, a Be.labs, startup criada com mindset sueco e a primeira aceleradora de idéias e negócios lideradas por mulheres no Brasil, atua há um ano no universo empreendedor feminino, contribuindo com o cenário profissional turbinando empresas tradicionais ou digitais que precisam se estruturar para melhorar a performance.

Criada pelos empreendedores Marcela e Christian Fujiy e Maria Clara Magalhães, a Be.labs foca no atendimento na região Nordeste e já impactou mais de 2 mil pessoas, que foram empoderadas a tomar decisões em suas vidas e em seus negócios com a consciência do impacto positivo que elas podem ser no mundo. “Propósito é algo perene, que tem sentido. É simplesmente a alma da empresa que traz uma direção e significado. A nossa missão também é, sem dúvidas, mostrar a importância de ter um norte, um propósito, fazer com que a empreendedora sinta a necessidade de mudança de mindset para ir em busca do sucesso. É algo que encanta, engaja e traz impacto positivo para o mundo”, explica Christian.

De acordo com Marcela, a ideia de empoderar mulheres utilizando o empreendedorismo como ferramenta surgiu para apoiar verdadeiramente o público feminino e tornar o mundo um lugar mais equilibrado. “No Brasil, o racismo e o sexismo que estruturam os padrões de desigualdade social vulnerabilizam as condições de vida das mulheres. Neste primeiro ano, superamos as nossas expectativas e contribuímos com o avanço profissional das brasileiras, trabalhando o empoderamento feminino pela veia empreendedora”, destaca. Segundo ela, ainda é preciso avançar neste sentido. “Este primeiro ano de Belabs nos fez ter a certeza que estamos no caminho certo. Sabemos que a luta está só no começo e é necessário muito engajamento para chegar lá. As mulheres precisam de mais oportunidades, uma participação mais ativa e de mais qualidade na economia, na política. Elas precisam de maior poder de decisão, salários equiparados ao dos homens e priorizar sua formação educacional. Além disso, precisamos de um país saudável e seguro para todos, principalmente para as mulheres”, explica Marcela. Segundo ela, o mais importante é entender o impacto positivo que podemos causar na sociedade por meio do trabalho. “A nossa essência vem da Suécia, um país que não só admiramos mas tivermos a oportunidade de formar as nossas referências vivendo lá por 12 anos. Trazendo para o mindset brasileiro preceitos como boa-fé, confiança e respeito como base e equilíbrio para as nossas vidas”, conta.

Para Maria Clara Magalhães, um dos maiores desafios é a conscientização e mudança de mindset. “O empreendedorismo entra nesse contexto como uma ferramenta de mudança de mindset. Como um trampolim para o impacto positvo que a mulher pode causar na sociedade e um mundo sustentável. Não é à toa que Igualdade de Gênero é o 5º ODS da ONU – The Global Goals. A mulher tem um enorme impacto na sociedade quando tem o seu potencial total aproveitado”, revela a empreendedora. Para ela, é desta forma que a Belabs faz a diferença na sociedade. “Mindset é uma ferramenta muito poderosa quando se trata de mudança de hábitos e cultura. Trabalhamos muito forte com o mindset das mulheres para que elas entendam como é importante para a sua jornada empreendedora. Além disso, desenvolvemos a própria metodologia com ferramentas robustas fazendo uma analogia ao furacão, que é o nosso logo e tem o sentindo de destruir essa desigualdade que assola o mundo atualmente”, explica Marcela.

Quarto elemento – Recentemente, a Belabs recebeu uma nova integrante. Justine Chuahy é formada em Publicidade e pós graduada em Marketing e foi uma das empreendedoras aceleradas na primeira turma do programa de pré aceleração em João Pessoa. “Eu tinha um projeto em mente mas não não sabia como iniciar, como proceder com as ideias. Então, fiquei sabendo da turma e resolvi me inscrever, porque vi que o propósito era bastante alinhado com as minhas expectativas”, conta Justine. “Foi a partir do Be.lieve que comecei a entender mesmo o que significa a mudança de mindset, minha cabeça foi mudando em relação a algumas ideias, principalmente na questão do espaço da mulher no empreendedorismo, o quanto podemos crescer empreendendo”, declara. Segundo ela, durante o processo de aceleração surgiu a identificação com a essência da Belabs. “O contato e o relacionamento com Marcela, Clara e Christian foram fluindo naturalmente. E, durante o processo, fomos vendo o quanto nossos propósitos são interligados. Estou muito feliz em fazer parte desta equipe e ser a quarta integrante a completar o time e poder contribuir intensamente na jornada de tantas mulheres incríveis que sonham em empreender”, declara Justine.

Empreendedoras aceleradas – Elevar a empresa a um estágio mais avançado em pouco tempo e pelos caminhos mais adequados é o sonho de todo empreendedor. Pleycianna Trajano e Andréa Negreiros, sócias do Espaço Luz e Consciência, em Campina Grande, uma das empresas aceleradas pela Be.labs, contam que não tinha conhecimento sobre o serviço – que hoje consideram fundamental na gestão do espaço. “Nós sempre tivemos o sonho de empreender mas não fazíamos ideia do que significava acelerar uma empresa. Para nós, o que conhecíamos do negócio era suficiente para tudo funcionar da melhor forma. Foi quando conhecemos a Be.labs antes de inaugurar o local”, conta Pleycianna. Segundo Andréa, o processo de aceleração foi essencial. “Eu enxergo perfeitamente todas as conquistas que vieram por meio dessa nossa iniciativa. A Be.labs, sem dúvida, me proporcionou força e segurança para abrir o negócio”, garante. Para ela, todo o planejamento foi personalizado para agregar estratégias de crescimento. “O processo de aceleração me mostrou o grande potencial do negócio que, para mim, era algo menor. Eles me fizeram enxergar o quanto podemos ir longe com o Espaço Luz e fazer tanta gente feliz, inclusive nós mesmos”, conta.

Para as jornalistas Alessandra Lontra e Ana Célia, editoras do portal O Concierge, o processo de pré aceleração foi fundamental para acreditar no sucesso do negócio. “Não tenho palavras para descrever o que senti durante cada encontro de pré aceleração. Foram momentos inesquecíveis de aprendizado e convivência que vou levar sempre comigo. Agora, entendo perfeitamente que melhor é a caminhada, do que propriamente o caminho. Estou ansiosa para os próximos passos”, declara Ana Célia. De acordo com Alessandra, a aceleração foi surpreendente. “O processo foi bem intenso e me fez  enxergar o mundo de possibilidades que temos com o nosso negócio. Foi possível nos conhecer melhor e traçar metas que, com certeza, serão o caminho para o sucesso”, conta a jornalista. 

A Be.labs oferece  oficinas de aceleração, consultorias e estratégias de marketing, gestão inovadora e acessível. Além disso, já conta com parceiros internacionais reconhecidos, como SAP Next Gen, empresa Alemã de alcance global, Google Cloud Platform, AWS Activate da Amazon e Perestroika.

Projetos futuros – Entre as novidades, estão o lançamento da segunda turma de pré aceleração em João Pessoa, o “Be.lieve”. Na prática, este método busca o crescimento profissional por meio de workshops e atividades práticas, focando no desenvolvimento da ideia ou negócio. São cinco semanas de pré-aceleração, com direito a autoavaliação profissional e pessoal, modelo visual de negócios, workshops, mentorias individuais, webinar de aspectos jurídicos, início do desenvolvimento do MVP, introdução ao marketing digital e a importância do controle financeiro para as Startups. Além disso, o “Be.lieve” será lançado no Recife (PE) e Aracaju (SE).

A Be.Labs Aceleradora fica localizada no Tetris HUB, na Rua Bananeiras, 381, em Manaíra. Mais informações no (83) 99697- 0712. O site www.belabs.org e, no instagram, @be.labs. Linkedin: linkedin.com/company/belabsaceleradora .

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS