PBNEWS


Cidades

“Se a categoria fosse unida, Instituição teria chapa única”, diz defensor público

O diretor de comunicação da Associação Paraibana dos Defensores Públicos, Manfredo Rosenstock chamou a atenção dos presentes à Assembleia ocorrida ontem, para que as ações desenvolvidas na atual gestão da Defensoria Pública da Paraíba não sofram solução de continuidade. Ele considerou a defensora pública geral Madalena Abrantes completa, pela incomum disposição de trabalho, destemor e […]

08/05/2018 19:52

O diretor de comunicação da Associação Paraibana dos Defensores Públicos, Manfredo Rosenstock chamou a atenção dos presentes à Assembleia ocorrida ontem, para que as ações desenvolvidas na atual gestão da Defensoria Pública da Paraíba não sofram solução de continuidade.

Ele considerou a defensora pública geral Madalena Abrantes completa, pela incomum disposição de trabalho, destemor e comprometimento com a categoria que tão bem representou quando esteve à frente da APDP quanto agora, à frente da DPPB. “Se a categoria fosse unida, nossa Instituição teria chapa única”, afirmou, gerando intensos aplausos dos presentes.

Pastor evangélico por vocação, Manfredo conclamou – com o equilíbrio e paz espiritual que lhes são peculiares – os colegas defensores a não aceitarem provocações feitas, sobretudo, em redes sociais por alguns poucos que buscam unicamente cultivar a desarmonia no seio da categoria, através, inclusive, de ataques pessoais.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS