PBNEWS


Cidades

Secitec fecha parceria com Justiça Federal e receberá computadores para o CRC

O projeto reúne máquinas oriundas de doações e faz o recondicionamento para entregar às instituições cadastradas previamente.

02/02/2018 15:46

O vereador licenciado e secretário de Ciência e Tecnologia (Secitec) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), Durval Ferreira, acaba de fechar uma parceria entre a Justiça Federal e o Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC), projeto mantido pela Secitec juntamente com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). O projeto reúne máquinas oriundas de doações e faz o recondicionamento para entregar às instituições cadastradas previamente. A Justiça Federal fará doações frequentes de desktops e acessórios de informática.

De acordo com o secretário, o CRC é um projeto de bastante destaque da Secitec e a parceria com a Justiça Federal será de grande importância. “O CRC funciona através de parcerias, sem elas as nossas atividades não conseguem fluir e nosso objetivo é manter as instituições cadastradas recebendo bons equipamentos além de promover a conscientização ambiental sobre o descarte de aparelhos de informática na natureza”, explica o secretário.

O coordenador de desfazimento do projeto em João Pessoa, Moisés Cândido comenta o andamento das atividades nos últimos meses. “Estamos coletando doações em diversas instituições como a AGU de Natal, Campina Grande e João Pessoa. Essa parceria com a Justiça Federal será de grande valia e os beneficiários dos equipamentos recondicionados só têm a ganhar”.

Como funciona o CRC

O Centro de Recondicionamento de Computadores de João Pessoa (CRC/JP) é um Programa de Inclusão Digital desenvolvido pela Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). O programa tem como objetivo promover a inclusão social de jovens através de cursos e oficinas com foco no recondicionamento e manutenção de equipamentos de informática, e na conscientização ambiental sobre os resíduos eletroeletrônicos.

O recebimento de equipamentos para recondicionamento é feito em parceria com a Empresa Municipal de Lixo Urbano (Emlur) mediante captação em órgãos públicos e privados, principalmente em órgãos públicos Federais, conforme normativa de desfazimento que dá preferência obrigatória às iniciativas ligadas ao MCTIC.

Entre os beneficiários que podem receber os equipamentos recondicionados pela CRC estão laboratórios de informática em escolas da rede pública, bibliotecas públicas, telecentros comunitários e outros projetos de inclusão digital com impacto significativo na sociedade.

Fonte : Assessora de Comunicação

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS