PBNEWS


Cidades

JP terá Corrida do Bem em prol do Laureano

O diretor presidente do Hospital Laureano, Antônio Carneiro Arnauld, e o diretor geral do hospital, Ivo Correia Borges da Fonseca, receberam essa segunda-feira (15/05), o diretor-presidente do Hospital da FAP, Helder Macedo e o deputado estadual Bruno Cunha Lima (PSDB), para tratar sobre as possibilidades de promover em João Pessoa uma edição do evento filantrópico […]

15/05/2017 18:21

O diretor presidente do Hospital Laureano, Antônio Carneiro Arnauld, e o diretor geral do hospital, Ivo Correia Borges da Fonseca, receberam essa segunda-feira (15/05), o diretor-presidente do Hospital da FAP, Helder Macedo e o deputado estadual Bruno Cunha Lima (PSDB), para tratar sobre as possibilidades de promover em João Pessoa uma edição do evento filantrópico “Corrida do Bem”.

O deputado Bruno, presidente da Frente Parlamentar de Combate ao Câncer e idealizador da corrida, juntamente com Helder Macedo, narrou os detalhes do evento, de sua concepção aos resultados obtidos. A explanação deixou a diretoria do Hospital Laureano muito animada para promover uma mobilização similar em João Pessoa.

Helder Macedo reforçou as informações, passando aos colegas médicos as conquistas que o Hospital da FAP está alcançando graças à solidariedade dos participantes e apoiadores da Corrida que mobilizou Campina Grande. Os recursos arrecadados vão garantir a ampliação do número de leitos na ala quimioterápica, elevando sua capacidade anual de atendimento de 14 para 25 mil procedimentos. As obras devem estar concluídas em agosto desse ano.

O diretor geral do Hospital Laureano, Ivo Fonseca, disse estar bem impressionado com as informações que lhes foram expostas e solicitou um projeto detalhado que será apresentado ainda nessa semana, com vistas a implementar o evento em João Pessoa também.

Fórum técnico
Incidência do câncer aumentando exponencialmente e os tratamentos ficando mais caros, embora mais efetivos. “É um desafio imenso. Reajuste de medicamentos”, destacou Dr. Ivo Sérgio Correia Borges da Fonseca

O deputado Bruno aproveitou a ocasião para antecipar o convite aos diretores dos dois hospitais filantrópicos para integrarem um grupo de discussão técnica que vem sendo estruturado sobre o combate e tratamento do câncer na Paraíba.

Outro assunto inevitável na pauta da reunião foi anúncio feito pelo Governo do Estado que fará um corte de aproximadamente 30% nas verbas que chegam ao Hospital da FAP por meio Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza no Estado da Paraíba (Funcep PB).

Esse contingenciamento representará perdas mais de R$ 300 mil para os pacientes oncológicos atendidos por aquela unidade especializada. É um corte severo que dificultará o serviço que a FAP oferece. Apesar disto, a FAP não vai deixar de atender pacientes que precisem fazer quimioterapia e lutaremos para que não falte medicação e cuidados, mesmo que nossas despesas e dívidas aumentem”, lamentou Helder Macedo.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS