PBNEWS


Câmara

Vereadora denuncia condição precária no Hospital Edson Ramalho; líder da oposição diz que vai apurar

Saúde pública foi tema de pronunciamento de Raíssa Lacerda (PSD) e de Leo Bezerra (PSB), na sessão desta quinta-feira

10/05/2018 15:07

A vereadora Raíssa Lacerda (PSD) usou a tribuna da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), na sessão desta quinta-feira (10), para denunciar a situação precária encontrada pela parlamentar quando visitou o Hospital da Polícia Militar General Edson Ramalho. Já o líder da oposição na Casa, vereador Leo Bezerra (PSB), afirmou que vai apurar o ocorrido e trazer respostas para a parlamentar.

Segundo Raíssa Lacerda, que foi levar uma secretária ao hospital com sintomas de enxaqueca, ao chegar encontrou pessoas recebendo soro na veia deitadas em cadeiras e até em pé, segurando o próprio soro. A vereadora também relatou a falta de higiene nas dependências do hospital.

“Fui levar uma pessoa com enxaqueca lá e fiquei chocada com o sofrimento das pessoas. Eu vi, tirei fotos e gravei. O chão lá é imundo, sangue por todo canto. Mas não é culpa das pessoas da limpeza, talvez falte mais funcionários. Encontrei pessoas em pé tomando soro, quando precisamos de cama e de conforto. Isso é desumano”, constatou.

E continuou: “Todo mundo paga imposto, todos têm direito a uma saúde digna. Sim, a saúde está um caos no país, mas eu sou vereadora de João Pessoa e tenho a obrigação de fiscalizar a saúde daqui. Temos que lutar por aqueles que precisam do Hospital Edson Ramalho, pois está um absurdo. A situação é grave. Peço providências às autoridades”, enfatizou.

O vereador Leo Bezerra afirmou que vai levar a caravana da oposição ao Hospital Edson Ramalho. “Vou trazer respostas para a vereadora Raíssa. Recebemos as reivindicações e vamos levar a caravana ao Edson Ramalho. São denúncias graves, vamos conversar com a secretaria de saúde, com o diretor do hospital e toda a equipe do Estado para trazer respostas”, afirmou.

Ainda em pronunciamento, o vereador Leo Bezerra criticou a falta de respostas do Executivo Municipal aos requerimentos do parlamentar e aos relatórios das caravanas da oposição realizadas nos Programas Saúde da Família (PSF); o descaso com a erosão da barreira do Cabo Branco; e o abandono da Estação Ciência Cabo Branco.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS