PBNEWS


Cabedelo

Prefeito empossa novos membros do Conselho Municipal de Saúde de Cabedelo

O prefeito Leto Viana assinou as portarias que dão posse aos novos membros do Conselho Municipal de Saúde (CMS) para o triênio 2018 a 2020. A solenidade aconteceu nesta terça-feira (13) e contou com a presença dos novos conselheiros, secretários, gestores municipais, representantes da Câmara Municipal e do presidente do Conselho Estadual de Saúde.

13/03/2018 14:25

O prefeito Leto Viana assinou as portarias que dão posse aos novos membros do Conselho Municipal de Saúde (CMS) para o triênio 2018 a 2020. A solenidade aconteceu nesta terça-feira (13) e contou com a presença dos novos conselheiros, secretários, gestores municipais, representantes da Câmara Municipal e do presidente do Conselho Estadual de Saúde.

Foram empossados 32 membros, sendo 16 titulares e 16 suplentes. Desse total, 50% representa a categoria dos Usuários, 25% dos Gestores e Prestadores da Saúde, e 25% dos Trabalhadores em Saúde.

O CMS de Cabedelo, diferente de outros conselhos, tem caráter também deliberativo, além de consultivo, constituindo-se em importante ferramenta de controle e transparência dos recursos e ações da Saúde no município. Sua composição, conforme preconizado em lei, é paritária.

“É com alegria que recebemos os novos membros do CMS para o próximo triênio, convidando a todos para unir esforços na superação das dificuldades que se apresentam na sempre importante área da Saúde. São evidentes as melhorias conquistadas por esta gestão até agora, o que aumenta ainda mais nossas responsabilidades quanto à qualidade dos serviços que estamos prestando, bem como no controle dos recursos públicos que administramos”, destacou o prefeito Leto Viana.

Para o presidente empossado Luciano Correia Carneiro, a nova composição se destaca em relação às anteriores por seu caráter político.

“Sem dúvidas, a partir de hoje, temos um Conselho comprometido politicamente, mas no que se refere às Políticas de Saúde em andamento ou em fase de implantação, bem diferente das políticas partidárias, tão desnecessárias nesse trabalho. Que todos os companheiros de Conselho sintam-se estimulados a cumprir com suas responsabilidades, fiscalizando, propondo projetos e contribuindo para o constante crescimento da Saúde cabedelense”.

Leia também

[« Voltar]

Fale conosco Siga-nos no Twitter RSS